Rock português: filhos de um pai desconhecido? Breve História do 'boom' em dez passos.
Jafumega e UHF
VI. Qualidade e referência

A excelência musical é um carimbo que se cola a duas bandas: Salada de Frutas e Jafu'mega. Os primeiros têm uma fase mais animada e “rockeira” com o single e álbum de estreia, ainda com Lena d'Água como vocalista; porém, os dois álbuns seguintes (e derradeiros) demonstrarão uma maturidade musical ímpar face ao que se pratica na altura. Enquanto “Se Cá Nevasse” (1981) é um LP tecnicamente perfeito, face à notável produção (na Holanda) e a um grupo de músicos fantástico, “Crime Perfeito” (1982), já só como Salada, revela um experimentalismo quase fora de época – embora brilhante – e que se revelou suicida.

Já a banda do Porto, deixa-nos três álbuns magníficos. O primeiro gravado ainda numa época adversa a modernidades portuguesas - e de tal forma o é que a banda lança-se a cantar na língua de Shakespeare, surgindo apenas o título do disco em português: “Estamos aí” -, e, os dois últimos no arrasto do fenómeno. Canções como “Ribeira” (lado B de “Dá-me Lume”), “Kasbah”, “Latin'America”, “Romaria” ou “Dolce Vita” ainda hoje continuam frescas, intemporais.

GNR – 'Dunas'(teledisco, arquivo RTP)Tal como os Jafumega, os GNR (Grupo Novo Rock) também são oriundos da Invicta, banda que, após dois singles de enorme sucesso ("Portugal na CEE" e "Sê um GNR"), começa a percorrer um caminho de referência. O álbum "Independança" conta já com a irreverência de Rui Reininho,bem como a última participação de Vitor Rua. Alexandre Soares, primeiro vocalista do grupo, não participa no célebre "Avarias" (tema que ocupa todo o lado B do álbum), mas ainda constará no álbum seguinte, "Defeitos Especiais". A consistência e qualidade da banda, ao longo dos anos centrada na dupla Reininho/Toli, mantém-na, até agora, no topo e em actividade, com enormes sucessos, tais como "Dunas" ou "Sangue oculto".
Destas cisões nascerá uma disputa legal com Vitor Rua (que faz com que, por exemplo, seja retirado do álbum "In vivo", de 1991, um 'meddley' que continha temas de sua autoria), a qual parece sanada, actualmente. Mas o que nasce e merece ser referido é um dos projectos musicais mais criativos da música portuguesa, os Telectu, parceria de Rua e Jorge Lima Barreto.
______

Avançar Voltar

O Boom
// Breve História em dez passos: 01 | 02 | 03 | 04 | 05 | 06 | 07 | 08 | 09 | 10
museudobooom@gmail.com